Ex-jogador do Corinthians é preso em Moema suspeito de abuso sexual de menina

Um ex-jogador do Corinthians, de 37 anos, foi indiciado por estupro e ficará preso no CDP de Pinheiros. A informação é do delegado responsável pelo caso, Armando Roberto Belio. O atleta foi preso suspeito de estuprar uma criança de cinco anos, por volta das 0h30 de segunda-feira (5), na avenida Vinte Três de Maio, em Moema, zona sul de São Paulo. 

– Ele está detido no 26º distrito policial, mas seguirá para a cadeia.

Segundo o delegado, o suspeito disse que só iria responder as questões em juízo. Armando ainda informou que diante de seus pais, o jogador havia “pedido desculpas” pelo ato.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi chamada para intervir em uma briga. Ao chegarem ao local, os agentes viram o suspeito caído no chão, depois de ter sido agredido pelo pai da garota. Ele foi socorrido ao pronto socorro do hospital Vergueiro, onde foi atendido, medicado e liberado.





Testemunhas informaram que ao saírem de uma partida de futebol, o ex-jogador teria pedido carona para ir à casa de um amigo. No caminho, a mãe da criança teria notado uma movimentação estranha no banco traseiro em que estavam. O pai da criança colocou sua mão para trás e constatou que o indiciado estava com seu órgão genital exposto, o que motivou a agressão.

Segundo a polícia, a vítima contou que o jogador tirou a calça que vestia e tentou colocá-la sobre o órgão genital dele. A menina não havia tirado as roupas.

Foi solicitado exame de constatação de conjunção carnal para a vítima, que foi encaminhada ao projeto Bem Me Quer, do hospital Pérola Byington. Também foi requisitado exame de corpo de delito para o indiciado.

O caso foi registrado no 27º Distrito Policial como estupro de vulnerável.

Fonte: R7





Deixe seu comentário